Translate

terça-feira, 29 de maio de 2012

29.04.12 / 29.05.12 Nosso blog comemora hoje 1 mês no ar de plena Liberdade, Igualdade, Fraternidade.


Neste 1 mês recebemos 919 visualizações de 10 paises diferentes, foram postadas 28 matérias.


Podemos ressaltar a plena Liberdade Absoluta de Consciência.


Segue dados:



Visualizações de página por país
Brasil635
Estados Unidos121
Rússia46
Alemanha35
Colômbia13
Espanha10
Reino Unido9
Paraguai6
México5
Peru5

Visualizações de página por navegador
Internet Explorer332 (36%)
Chrome278 (30%)
Firefox216 (23%)
Safari50 (5%)
Mobile Safari23 (2%)
Opera14 (1%)
NokiaBrowser3 (<1%)
SeaMonkey2 (<1%)
BingPreview1 (<1%)
NS81 (<1%)
Visualizações de página por sistema operacional
Windows817 (88%)
iPhone40 (4%)
Macintosh27 (2%)
Android17 (1%)
BlackBerry7 (<1%)
Linux7 (<1%)
SymbianOS/9.33 (<1%)
iPad3 (<1%)
Other Unix1 (<1%)

domingo, 27 de maio de 2012

Ir.´. Francisco Cantarutti apresenta   as novas ferramentas operacionais Google APPS for business que os IIr.´. da  loja Arca da Aliança 2489 passam  a utilizar.


A loja ARLS Arca da Aliança, iniciou o processo de renovação do seu sistema de e-mails e site, passou a contar com a colaboração das ferramentas do sistema Google APPS for business. Com implementação destas ferramentas, a loja passará com um sistema muito mais seguro de intranet.

Além disto todos os sistemas de documentos, planilhas, calendários, sites, estarão interligados, podendo ser acessados por qualquer membro da loja, através de seu PC ou Mac, os seus dispositivos, tais como laptops, tablets, celulares e desktops.

Não existe incompatibilidade de versões de sistemas, pois isto a Google faz automaticamente. mantendo sempre disponível a versão mais moderna aos seus usuários. Os trabalhos, planilhas, instruções estarão classificados de acordo com o grau dos IIr.'.

O Ir.'. Francisco Cantarutti, apresentou o sistema Google APPS aos membros da loja durante o tempo de instrução e neste final de semana, já estarão sendo habilitados os e-mails. Nas instruções enviadas, estarão sendo apresentados videos de funcionamento destas ferramentas e nestes próximos 15 dias teremos mais novidades.

Em anexo algumas fotos deste treinamento, que irá permitir uma grande ajuda na utilização destas novas ferramentas,  que por sinal é o que a Google possui de mais moderno nesta area. 

Sempre é bom lembrar, que o Rito Brasileiro é a tradição com a evolução.



sábado, 26 de maio de 2012

Calendário de atividades do Ilustre e Sublime Capitulo Rosa Cruz Visconde de Mauá 77.
Sessões 4° Sábado do Mês.

Calendário de atividades dos graus 18 ao 32.
Sessões 2° Sábados do Mês.

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Atenção IlustreIIr.´.


Neste Sabado dia 26.05 teremos sessão de grau 9 com inicio as 10:00 Hrs.

Sua presença é muito importante para nós.
 
TFA


ENCOMENDAS:
Valor dos dois volumes com taxa de envio via Correio R$110,00
Deposito Banco Bradesco
Agencia - 2634
Conta - 23693-4
Nome - Willian Felicio da Mota
Enviar dados com o comprovante para ritobrasileiroms@gmail.com

terça-feira, 22 de maio de 2012

ARLS Arca da Aliança 2489 e Vila Setembrina 4041e Heráclito Victória 3168 e Obreiros do Vale do Taquari 3166 elegem suas novas administrações para os mandatos 2012/2013.


No dia 15.05 a ARLS Heráclito Victória 3168, Oriente de Caxias do Sul,  realizou eleição na loja para administração sendo reconduzido  o VM Gilnei Zinda para adm.


No dia 18.05 a ARLS Arca da Aliança 2489, Oriente de Porto Alegre,  realizou sua eleição para administração sendo eleito para VM o Ir.´. Eduardo Lecey


No dia 22.05 a ARLS Vila Setembrina 4041, Oriente de Viamão,  realizou eleições para Administração sendo reconduzido para VM o Ir.´. Joycemar Carpes, também foram realizadas eleições para Deputado Estadual e Suplente.


No dia 22.05 ARLS Obreiros do Vale do Taquari 3166, Oriente de Lajeado, realizou sua eleição sendo  eleito para VM o Ir.´. Sergio Muller;


Parabéns!!! 

PRIMAZ EM DOURADOS - MS

No Sábado, 05 de maio do corrente ano, a Maçonaria Sul Mato-grossense e o Rito Brasileiro tiveram um dia muito especial. O Soberano Grande Primaz Ir.´. Nei Inocencio dos Santos acompanhado do Grande Mestre de Cerimônias da Magna Reitoria Ir.´. Marcelo Trovani, e do seu Assessor Especial Ir.´. Pedro Roberto Rodrigues, chegou ao Clima de Dourados (MS) ás 08:30 da manhã, e todos foram brindados com um saboroso café da manhã ofertado pelo Secretário Estadual de Liturgia e Ritualística Adjunto para o Rito Brasileiro do GOMS, Ir.´. Emigdio Ruben Araujo Ramirez, que ocorreu na sua residência.
(Veja as demais fotos do evento na Seção FOTOS desta página) 
m_DSC01431
Às 10 horas foi realizada a Sessão Magna de Iniciação ao Grau 14, da hierarquia dos Altos Graus do Rito Brasileiro, promovida pelo Ilustre e Sublime Capítulo Visconde de Mauá Nº 77, ao Vale de Dourados.
m_DSC01436
A Sessão foi presidida pelo Soberano Irmão Nei Inocencio dos Santos, e tomaram assento ao seu lado os Eminentes Delegados Litúrgicos Evandro Bandeira Lecey e Joel Dias, respectivamente da 2ª e 1ª Delegacias de Mato Grosso do Sul, a primeira com sede ao vale de Dourados e a outra ao Vale de Campo Grande.
m_DSC01445
 m_DSC01449
Os novos Mestres da Perseverança são os Ilustres Irmãos:
David Rodrigues  Infante VieiraDenésio José CrestaniEmerval Edmilson FerrariEmigdio Rubem Araujo RamirezJocely Matheus de  Moraes JuniorJorge Fernando Mora GaleanoJosé Adilson VasconcelosOsvaldo Hermosilia SanabriaOswaldo Kioshi NamiuchiVanderlei Carneiro FloresValter Paulo Perroni.
m_DSC01458
Prosseguindo, às 11:30 horas, foram abertos os trabalhos pelo Supremo Conclave do Brasil para Reconhecimento e Recepção de 4 novos Servidores da Ordem da Pátria e da Humanidade,  Grau 33 da hierarquia dos Altos Graus do Rito Brasileiro.
m_DSC01463
Esses Irmãos Grandes Inspetores Gerais são oriundos do Supremo Conselho do Grau 33 do REAA da Maçonaria para a República Federativa do Brasil: O Soberano Grão Mestre do GOMS Ir.´. Benjamim Barbosa, o Grão Mestre Adjunto Ir.´. Amilcar da Silva Junior. O Grande Secretário de Administração do GOMS Irmão Juvenal Cordeiro Barbosa, e o Grande Secretário de Liturgia e Ritualística Irmão Rodolfo Rupp.
m_DSC01467
Após a cerimônia de Reconhecimento do Grau 33 foram recepcionaodos como Servidores da Ordem, da Pátria e da Humanidade, da hierarquia dos Altos Graus do Rito Brasileiro.
 m_DSC01438
Destacamos a presença do Venerável Ir.´. Benicio Ayala Sanches, Secretário Estadual de Orientação Ritualística Adjunto para o Rito Brasileiro, do GOB-MS, prestigiand ao magno evento.
Os IIr.´. Paraguaios aqui se fizeram presentes representaram as Lojas Alborada Del Amambay 10, Cero Cora 150 e Hermano Sin Fronteiras.
m_DSC01509
À noite, quando da realização da Sessão Magna de Iniciação realizada na Loja Edgar Buytendorf, o soberano Grão-Mestre do GOMS Ir.´. Benjamim Barbosa prestou homenagens ao Rito Brasileiro e á 2ª Delegacia Litúrgica do Rito Brasileiro para o Estado de Mato Grosso do Sul, agradecendo a presença do Ir.´. Eduardo Lecey.

Após a Sessão todos os presentes foram recepcionados pelos familiares dos 4 Neófitos no Salão de Ágape anexo ao centro templário, com a presença aproximada de 190 convidados.
A Revista Consciência Maçônica e o Site MS Maçom promoveram a cobertura jornalística de ambos eventos ocorridos.


Fonte: Site Supremo Conclave do Brasil de Maçons Antigos Livres e Aceitos.
 http://www.ritobrasileirogob.com.br/portal/editpaginicial/539-primaz-em-dourados-ms.html

sábado, 19 de maio de 2012

Solenidade Pública em Homenagem ao  dia das Mães na ARLS Arca da Aliança 2489.
No último dia 11 foi realizado solenidade pública em homenagem ao dia das mães, na ARLS Arca da Aliança nº 2489 e contou com a presença de mais de 90 pessoas entre estes 31 irmãos que pertencem ao quadro de nossa loja. O Venerável Mestre Jair Oliveira da Rosa, comandou a solenidade com apresentação de poemas e farta distribuição de flores as mães durante a solenidade. 

Foi ofertado a todos Irmãos que não possuem mais a sua mãe neste plano físico uma flor branca, as quais foram depositados junto ao livro da lei como uma homenagem a estas. O Irmão Evandro Delegado Litúrgico do Rito Brasileiro do M.S. trouxe uma mensagem do nosso Soberano Grande Primaz Nei Inocêncio referente a este ato.

O jantar de confraternização ficou sob a responsabilidade da confraria União Cook, sendo que o Chefe e Irmão Roberto Morselli, comandou a paelleira na preparação de um deliciosa paella gaudéria, bem como uma outra menor com o sabor mais picante e logo após as sobremesas. Mais uma vez a ARLS Arca da Aliança 2489, realizou uma linda homenagem as mães e seus membros e familiares interagiram e comemoraram esta data.



sexta-feira, 18 de maio de 2012

Atenção MM.
Dia 22.06 Ilustre e Sublime Capitulo Rosa Cruz Visconde de Mauá 77, teremos iniciação de grau 4 - Mestre da Discrição. Interessados entrarem em contato com o Aterzata Ir.´. Irineu Alves dos Santos Filho ou com a Delegacia. 
Delegacia Liturgica RS . Divulga calendarios dos graus 18 ao 32. Maiores informações com o Delegado Liturgico Eminente Ir.´. Flávio Teixeira e com o Eminente Ir.´. Ernesto Lecey .

quarta-feira, 9 de maio de 2012


2ª DLRB -MS realiza mais 03 Reconhecimentos e iniciação de grau 9 em Dourados.

Na terça-feira dia 08 de Maio as 20 horas foram aberto os trabalhos ritualísticos do ISCRC,  tendo como Aterzata o Eminente Ir.´. Benjamim Barbosa, Gº 33, 1º Grande Vigilante Eminente Ir.´. José Gildo Pimentel, Gº 33,  2º Grande Vigilante Ilustre Ir.´. Eduardo Lecey, Gº 18, Grande Secretario Ilustre Ir.´. Osvaldo Hermosilla, Gº 14, Grande Orador Ilustre Ir.´. Jocely Mateus de Moraes Junior , Gº 14, Grande Chanceler Ilustre Ir.´. Osvaldo Namiuchi, Gº 14, Grande Tesoureiro Ilustre Ir.´. Irineu Filho, Gº 18, Grande Mestre de Cerimônias Ir.´. Vanderley Carneiro, Gº 14 Grande Guarda do Templo Ilustre Ir.´. Emidgio Ruben, Gº 14.

Nesta ocasião foi reconhecido o grau 9 do Ilustre Ir.´. Luis Ademir Marques, os graus 7 dos IIr.´. Miguel  Angel Daciuk Siduruk   e Pablo Peralta. Após o  reconhecimento foi aberto os trabalhos de iniciação do grau 9 dos IIr.´. Miguel Siduruk e Pablo Peralta.

No uso da palavra o Ir.´. Osvaldo Hermosilla fala da sua emoção em estar participando dos graus superiores do Rito Brasileiro e da as boas vindas aos novos IIr.´.. O Eminente Ir.´. Evandro Lecey, Delegado para a 2ª Delegacia Litúrgica do Mato Grosso do Sul, da as boas vindas ao Ilustre Ir.´. Luis Ademir Marques e lembra que naquele momento praticamente 5 IIr.´. fundadores da loja simbólica 7 de Setembro nº 30 estavam continuando sua caminhada nos graus superiores e agradece o Ilustre Ir.´. Ruben Araujo por ter incentivado a todos para esta nova caminhada. Destaca que hoje a sua Delegacia já conta com um efetivo grande de IIr.´. praticando e estudando os graus superiores, O Eminente Ir.´. Benjamim Barbosa fala de sua emoção em estar coordenando os trabalhos pela primeira vez de uma oficina de graus superiores do Rito Brasileiro, lembra que no sábado com a presença do Soberano Primaz ele teve os seus graus reconhecidos no rito Brasileiro.  Da as boas vindas aos novos mestres da justiça IIr.´. Pablo Peralta, Miguel  Siduruk  e Luis Ademir.





terça-feira, 8 de maio de 2012


Soberano Grande Primaz Reconhece 4 novos Servidores da Ordem da Pátria e da Humanidade, Gº 33 em Dourados – MS


No sábado dia 05.05 no Oriente de Dourados MS,  com a presença do Soberano Grande Primaz do Supremo Conclave do Brasil Ir.´. Nei Inocêncio dos Santos, e comitiva composta pelo Sereníssimo Ir.´. Marcelo Trovani Grande Mestre de Cerimônias. Participarão dos Trabalhos do Supremo Conclave do Brasil os Eminentes Delegados Litúrgicos para o MS Ir.´. Joel Dias Marques (1ª DRB-MS), Evandro Bandeira Lecey (2ª DRB-MS). Egrégio Mestre do Colendo Alto Colégio   Supremacia Universal nº 205   Ir.´. Lupercio Abud e pelo Grande Secretário Adjunto de Orientação e Ritualística do Rito Brasileiro GOB-MS Ir.´. Benicio Ayala Sanches, Gº 33. O Ir.´. Ademir   Batista de Oliveira  , Gº 33 ligado no simbólico a GLMEMS participou dos trabalhos e fez  a cobertura jornalística para a revista consciência maçônica.  Eminente Ir.´. João Batista Grecco Pelloso, Gº 33, Eminente Ir.´. José Gildo Pimentel, Gº 33.

Nesta sessão foram reconhecidos os graus 33 dos IIr.´. oriundos do Supremo Conselho do Grau 33 para o REAA da Maçonaria para a  Republica Federativa do Brasil.

Foram reconhecidos os graus dos Eminentes IIr.´. Amilcar Silva Junior (Ato 3850), Juvenal Cordeiro Barbosa (Ato 3851), Benjamim Barbosa (Ato 3852) e do Ir.´. Rodolfo Rupp.

O Eminente Ir.´. Evandro Lecey delegado da 2ª Delegacia Litúrgica do Rito Brasileiro MS  fala que sua delegacia conta com 6 Servidores da Ordem da Pátria e da Humanidade.




segunda-feira, 7 de maio de 2012


Soberano Grande Primaz preside os trabalhos de iniciação de grau 14 em Dourados – MS


No sábado dia 05.05 no Oriente de Dourados MS,  com a presença do Soberano Grande Primaz do Supremo Conclave do Brasil Ir.´. Nei Inocêncio dos Santos, e comitiva composta pelo Sereníssimo Ir.´. Marcelo Trovani Grande Mestre de Cerimônias e do Poderoso Ir.´. Pedro. 


A comitiva da 1ª DLRB-MS estava composta pelo Eminente Ir.´. Joel Dias, Delegado litúrgico, Egrégio Mestre do Colendo Alto Colégio   Supremacia Universal nº 205   Ir.´. Lupercio Abud e pelo Grande Secretário Adjunto de Orientação e Ritualística do Rito Brasileiro GOB-MS Ir.´. Benicio Ayala Sanches, Gº 33.

O Ir.´. Ademir   Batista de Oliveira  , Gº 33 ligado no simbólico a GLMEMS participou dos trabalhos e fez  a cobertura jornalística para a revista consciência maçônica.

Já a comitiva do GOMS  estava composta pelo Soberano Grão Mestre Ir.´. Benjamim Barbosa, Gº 33, Grão Mestre Adjunto Sereníssimo Ir.´. Amilcar Silva Junior, Gº 33, Presidente da PAEL Eminente Ir.´. João Batista Grecco Pelloso, Gº 33,  Grande Secretario de Administração Poderoso Ir.´. Juvenal, Gº 33 e Grande Secretario de Ritualística Poderoso Ir.´. Rodolfo Rupp, Gº 33. Eminente Ir.´. José Gildo Pimentel, Gº 33 e do   Deputado Estadual Poderoso Ir.´. Padilha, Gº 28

De Porto Alegre para compor a loja estavam presentes os Ilustres Cavaleiros Rosa Cruz Ir.´. Eduardo Lecey e Irineu Filho (Ilustre e Sublime Capitulo Rosa Cruz Visconde de Mauá 77).

Da Grande Loja Maçônica do Paraguay o Ir.´. Mario Aquilles Ferreira Aguero, Gº 22.

Nesta ocasião foram iniciados no grau 14 – Mestre da Perseverança os Ilustres IIr.´.  David Infante Vieira, Denésio José Crestani, Emerval Edmilson Ferrari, Emigdio  Rubem Araujo Ramirez, Jocely Matheus de Moraes Junior, Jorge Fernando Mora Galeano, José Adilson Vasconcelos, Osvaldo Hermosilla Sanabria, Oswaldo Kioshi Namiuchi, Vanderlei Carneiro Flores e Valter Paulo Perroni.

Eminente Ir.´. Evandro Lecey, Gº 33 Delegado Litúrgico do Rito Brasileiro para a 2ª Região agradeceu a presença de todos os IIr.´. e do Primaz Lembrando o quanto devemos Perseverar.






domingo, 6 de maio de 2012


Noticias do Rito Brasileiro 05.05.12

Sábado tivemos um dia muito especial na maçonaria Sul Mato-grossense e para o Rito Brasileiro.

Nosso Soberano Grande Primaz Ir.´. Nei Inocêncio dos Santos acompanhado do Grande Mestre de Cerimonias da Magna Reitoria Ir.´. Marcelo Trovani e do do Ilustre Ir.´.  Pedrão chegou em Dourados as 08:30 da manhã.

Em seguida tivemos um saboroso cafe da manhã oferecido pelo Grande Secretário de orientação e Ritualística do Rito Brasileiro GOMS Ir.´. Emigdio Ruben Araujo Ramirez em sua residência segue fotos 1424 e 1431.

As 10 horas foram iniciados 11 novos Mestres da Perseverança. As 11:30 foi aberto os trabalhos do Supremo Conclave do Brasil para reconhecimento de 4 novos Servidores da Ordem da Patria e da Humanidade, onde foram reconhecidos o Soberano Grão Mestre Ir.´. Benjamim Barbos a e o Sereníssimo Grão Mestre Adj Ir.´. Amilcar da Silva Junior. Destacamos também nesta Sessão a presença do Eminente Ir.´. Joel Dias, Delegado da 1ª Região do MS e do Poderoso Ir.´. Benicio Ayala Sanches, Grande Secretario Adjunto de Orientação e Ritualística para o Rito Brasileiro GOB-MS.

Os IIr.´. Paraguaios aqui se faziam presentes representando as Lojas Alborada Del Amambay 10, Cero Cora 150 e Hermand Sin Fronteiras.

A noite na Iniciação da Loja Edgar Buytendorf o soberano Grão Mestre Ir.´. Benjamim Barbosa prestou homenagens ao rito Brasileiro a 2ªº Delegacia - MS e agradeceu a presença do Ir.´. Eduardo Lecey e nomeou o nosso Ir.´. Irineu Alves dos Santos Filho como Embaixador do GOMS para com o GORGS.  Sessão esta com aproximadamente 110 IIr.´. em templo e após a Sessão fomos recepcionados pelos familiares dos 4 novos Neofitos no salão de agape anexo ao centro templário, onde tínhamos aproximadamente 190 pessoas.

Destacamos a cobertura jornalistica desde a parte da manha da Revista Consciência Maçônica e do Site MS Maçom.










Amanhã mandaremos mais noticias.

quinta-feira, 3 de maio de 2012


O RITO BRASILEIRO POR FERNANDO DE FARIA

Sim, o Rito ainda não se consolidou tanto em aspectos ritualísticos, de moda
especial, como em aspectos doutrinários, de modo geral. Sem perceber, vamos nos
desta geração pós Candinho (Candido Ferreira de Almeida, o Grande Primaz que
antecedeu a Nei Inocêncio), vamos nos realizando uma historia espontânea, em
que completamos e, de certo modo, modificamos, atualizando, a doutrina
monumental construída por Álvaro Palmeira.

Coube a Álvaro Palmeira o papel de ter reformulado a doutrina do Rito em
1968, destarte, e por outras providencias, passando a historia como o
reimplantador vitorioso. Dr. Álvaro instituiu a doutrina atual ao escrever, naquele
1967/1968, todos os rituais do Rito, ademais de sua Constituição, Regulamento e
tantos outros documentos que ainda aguardam estudos mais profundos e
divulgação. Um monumento doutrinal completo. Porem, pela própria dinâmica da
cultura brasileira, o Rito vem sofrendo transformações, não só em sua ritualística
propriamente dita, mas, de modo mais significativo, em seus fundamentos
doutrinários.
A própria Palmeira, em 1968, trazia-nos coisas novas. Nada, apos Palmeira,
pode se comparar aos velhos temas pioneiramente abordados por Jose Firmo
Xavier em Pernambuco no século passado. Nenhuma semelhança doutrinaria . só o
nome: Rito Brasileiro. Jose Firmo, na realidade, assumira idéias que não poderiam
prosperar, haja vista a dedicação (ao Papa e ao Imperador), a vitaliciedade da chefia
instituída por Firmo o seu próprio favor, a exclusiva filiação de brasileiros . fator
este que, ca entre nos, e também ferido por quem envereda pelo conceito de um
rito patriótico (este um atributo, patriotismo, que, sem muita reflexão, ainda hoje,
pretendem conferir ao Rito . parece-me um erro).
OBICES A EXPANSAO
Embora a ausência de documentos comprobatórios, o dito patriotismo teria
sido também, um dos óbices a época de 1914, quando o Rito foi instituído no GOB por
Lauro Sodré e seus companheiros. Tirava-nos a necessária universidade, impedindo a
expansão. Bem verdades, como em parte ao Rito de Firmo Xavier, na criação de Lauro
Sodré faltavam outros elementos. Por exemplos: rituais (que permitissem a pratica
regular e uniforme do Rito), um estatuto ou constituição (que lhe fixasse os elementos
doutrinários fundamentais) e uma Oficina Chefe, hoje o Supremo Conclave (que
zelasse pelos arcanos do Rito). Não importa que, em documentos iniciais (assim no
Decreto no 500, de Lauro Sodré, 23 de Dezembro de 1914, e na Resolução
determinada pelo Decreto no 554, de Veríssimo da Costa, 13 de junho de 1917) haja
referencias a uma Constituição do Rito que conteria declaração de princípios,
estatutos, regulamentos, rituais e demais institutos . isso parece não ser fidedigno.
Tudo indica que se mencionava o que de fato não existia ainda ou, se existisse, não
teria a necessária divulgação.
Em 1940, Otaviano Bastos e seus companheiros, entre eles Palmeira,
tentariam corrigir estas deficiências, instituindo a Oficina Chefe, solenemente
instalando o Supremo Conclave do Brasil a 17 de fevereiro de 1941, conforme Ato
de no 1671, do Grão Mestre Rodrigues Neves, de 3 agosto de 1940 (nomeando sete
Irmãos para formarem o núcleo inicial), complementado pelo Ato de no 1636, de 6
de fevereiro de 1941, do mesmo Grão Mestre, designando comissão
regularizadora. Este Conclave adormeceria logo a seguir. Voltaria apenas em 1968,
reavivando por Palmeira, já Grão Mestre, pelo celebre Decreto no 2080, de 19 de
marco daquele ano.
Em 1940 seria divulgada uma Constituição, cuja existência Otaviano Bastos
diria ser de 1914. Viriam, também (1940), os primeiros esboços de rituais. E tudo
ali, em 1940, era patriótico: a aclamação (Ciência, Razão, Brasil), a palavra de passe
(Brasil), a decoração verde amarelo dos templos (paredes, altares, dossel), a
exigência de ser de preferência brasileira.
Em grandes linhas a decoração patriótica, inclusive dos aventais, e mantida
ate hoje (1999) por nossos Irmãos sob jurisdição do Supremo Conclave Autônomo .
sede em Cataguases, Minas Gerais, onde foi instalado, na Loja Labor e Civismo a 10
de fevereiro de 1974, e se desenvolveu sob a liderança do professor Lysis Brandão
da Rocha, um dos vultos maçônicos que mais prezo e admiro pelas lições pessoais
extraordinárias que me transmitiu. Presto Homenagem. Pois bem, Palmeira
conhecia esses óbices. Tanto que, no mencionado Decreto 2.080/68, seria explicito
em afirmar o fracasso dos movimentos anteriores a 1968, atribuindo-o a falta de
Rituais completos e ausência de governos no Filosofismo do Rito (sic), bem como a
falta da necessária universidade. Segundo o Decreto, caberia ao Supremo Conclave,
então reimplantado, a missão de colocar o Rito rigorosamente acorde as
exigências maçônicas de Regularidade internacional, fazê-lo de âmbito universal,
separar o Simbolismo do Filosofismo (sic) e constituí-lo em real veiculo de
renovação da Ordem, conciliando a Tradição com a Evolução.
O APELO DE UM SECULO
Todos conhecem o dito Apelo de um Século . lançado em 1864 por Antonio
Miguel Dias, sob o pseudônimo de um Cavaleiro Rosa Cruz, em sua obra clássica
Biblioteca Maçônica ou instrução Completa do Franco Maçom, só seria atendido
(segundo Palmeira) apenas em 1968 com a reimplantação do Rito Brasileiro . o Apelo
pedido por um Rito novo e independente (grifos do próprio autor) que, tendo por
base os Graus Simbólicos e comuns a todos os Ritos, tenha, contudo os altos Graus
Misteriosos diferentes e nacionais. Constitui se na idéia fundamental do Rito
Brasileiro.
Palmeira, sem duvida amenizando a idéia de patriotismo (que pode ser
encontrada no Apelo), explicaria com clareza que o autor, Quando se referiu aos
Altos Graus e diferentes e nacionais, não estava, evidentemente, pretendendo criar
uma Maçonaria nacional, o que seria uma negação da Ordem Universal, tanto que
encareceu fossem os Graus Simbólicos do novo Rito comuns a todos os Ritos. E é
nesse ponto precisamente que se resguarda a unidade doutrinaria da Ordem.
Presente a idéia de o Rito Brasileiro ser o rito dos brasileiros, não por
questões patrióticas, ou de ufanismo, mas sim pelo aspecto pratico de permitir que
os brasileiros tenham o nosso próprio rito, praticando Maçonaria segundo a nossa
própria maneira ou cultura.
Sim, a palavra chave não e patriotismo, e cultura . a grosso conceito, o modo
como cada povo resolve as suas necessidades mais essenciais . como conversa,
prepara seus alimentos, veste se, ama, honra a Deus, educa os filhos, relaciona-se
com seu próximo. O jeitão do brasileiro, o nosso modo de fazer maçonaria.
Trata-se de cultura brasileira. O Rito, sendo nosso e apenas nosso, não
depende da opinião ou de valores que nos sejam trazidos do exterior. Podemos
adotá-los (opiniões e valores), mas não compulsoriamente. Palmeira da a chave:
"conciliar Tradição e Evolução. Nesta geração podemos dizer: conciliar o Universal
ai Nacional. Ou na própria palavra de Palmeira:  ... manter fidelidade a universal
Tradição maçônica do Simbolismo, mas os Altos Graus serem formulados sob a
influencia do meio histórico e geográfico da Pátria em que se vive, sob a sua índole,
inspiração e pendores".
A COR DO RITO
Este um bom tema para exemplo da tese, segundo a qual, conforme a cultura
brasileira, esta geração vai modificar a doutrina. O Rito era verde amarelo, patriótico.
Assim documentos que nos foram deixados por Otaviano Bastos e a reminiscência
sustentada sob jurisdição do Supremo Conclave Autônomo. Contudo pensamos,
pensamos e, de repente, sem que tenha havido nada de intencional, passamos a
discutir no Supremo Conclave, qual seria a Cor do Rito. E veio a idéia: e violeta.
Sustentada por inumeráveis razoes e justificativas de ordem mística ou
simbólica, não cabe aqui discutir. O certo e que realizamos uma aspiração nossa, de
nossa própria gente.
Soberanamente discutindo o assunto no Supremo Conclave do Brasil,
concluímos por dizer: a Cor do Rito e violeta. E não houve razoes patrióticas.
Predominou apenas a jeitão brasileiro. Nosso fervor místico, nosso romantismo,
sabe lá. Predominou o misticismo.
Outros Ritos por certo não poderiam fazer adoção tão radical, eis submetido
a fatores históricos e organismos inteiramente exteriores, sem qualquer
possibilidade de serem influenciados pela cultura brasileira. Haja vista, por
exemplo, a interessante discussão em torno da cor com que devem ser decorados
os templos do Rito Escocês Antigo Livre e Aceito.
E da cor violeta . Cor do Rito . viria a adoção do uso da gravata colorida.
Ainda indefinida: qualquer coisa em torno do vermelho. E difícil um padrão violeta,
O violeta puro não deu um esperado gosto estético para cor de gravata. São muitos
os problemas, mas vamos nos orgulhosamente ostentando as novas gravatas do
Rito, reforçando o espírito de corpo (ou de porco, diriam críticos contundentes, que
sempre existem).
Perceber que, na realidade, ao se adotar o violeta como Cor do Rito, nesta
adoção ha todo um formulação doutrinaria, infinita na medida em que sao infinitas
as interpretações simbólicas quanto a esta cor.
CONFLITOS A CONCILIAR
Outros temas doutrinários possuíram, gerando modificações paulatinas, quase
imperceptíveis da doutrina. Por exemplo, esse tópico, misticismo. Pouco discutido,
ainda.
O Rito é teista. Assim a definição inicial imposta por Palmeira nos
documentos que redigiu em 1967/68: rituais, Constituição, Regulamento do Rito,
outros. Em 1992, a Convenção Nacional realizada no Rio de Janeiro discutiu e
aprovou quase por unanimidade: o Rito e Teista. Houve votos contrários.
Dignamente entendiam que a relação do homem com Deus e assunto intimo, nao
devemos integrar o quatro das confissões obrigatórias que um Obreiro deve fazer
para filiar-se a determinado corpo maçônico. Tudo bem. O certo e que
confirmamos esta geração: o Rito e teista. Significa: afirmação da existência de
Deus, da possibilidade de Deus revelar se (Revelação Divina), de Deus interferir em
nossas vidas (Providencia Divina).
Teistas. Cabe-nos assim combater a superstição. Contudo ha elementos
delicados que se aproximam quase sem serem notadas, as vezes constituindo-se
em grosseira superstição, ou idolatria, as vezes legitima manifestação de forcas
místicas interiores. Um tema difícil, entregue aos cuidados dessa nossa geração:
conciliar a Razão com a Fe.
UM EXEMPLO, MUITO DELICADO:
O RITUAL DO GRAU33
Dr. Palmeira, em 1968, dando estrutura ao Rito escreveu todos os nossos
rituais, simbólicos e filosóficos. Menos o do Grau 33, deixando-nos copia servil do
adotado no Rito Escocês Antigo e Aceita aqui no Brasil.
Pois bem, valendo outra vez as aspirações mais legitimas, procurou-se, no
Supremo Conclave, adotar ritual próprio. E um novo ritual foi aprovado e vem
sendo praticado nesta década de 90. De conteúdo fortemente místico, tem
merecido criticas leais, embora adesão sem restrições e muito satisfatórias. Vamos
vivendo. Uma fase nova, plena de elementos que nos mesmos adotamos sem dever
explicações a nenhum órgão estrangeiro, sem esquecer, contudo, que devemos
conciliar a Razão com a Fe. Devagar, sem conflitos. O exato ponto de equilíbrio. O
modo brasileiro de um homem relacionar-se a Deus.
O QUE SIMOES TEM A VER COM TUDO ISSO
Pensara o leitor que me esqueci do Posfacio. Nada disso. Tudo aqui foi escrito
para dizer: Simões e um fazedor de idéias. Normalmente anda a frente e não tenho
constrangimento na confissão publica . e um dos Irmãos que me põem a pensar e,
mesmo contrariado de inicio, no fim acabo concordando com o Simões, tal a
profundidade e correção de seu pensamento.
Cabe registro histórico. Coube ao Simões a idéia original de adotar a Cor do
Rito: Violeta. Mais: o Simões preparou e teve aprovado no Supremo Conclave o
Ritual do Grau 33 que hoje (1999) praticamos. Por isso, a guisa de posfacio, foi feito
um registro histórico.
Esse e o Autor que Você, amigo/Irmão leitor, acabou de apreciar. Cogite o
com cuidado. Procure nas linhas lidas uma reflexão mais profunda. Não e muito
fácil entende-lo de inicio, mas e um deleite encontrar as verdades que revela
Congratulo me com o Leitor, Pelo presente que recebemos.
Para terminar, uma grata missão. O Soberano Grande Primaz do Rito, nosso
Irmão Nei Inocêncio dos Santos, uma figura extraordinária de amor a Ordem,
devoção ao Rito, capacidade de trabalho, muito chegado ao Simões, pediu-me
cumprisse o dever de agradecer e cumprimentar o autor e os editores em nome do
Supremo Conclave do Brasil, o que faço com muita honra e grande alegria. Aceitem
estes elevados cumprimentos, com votos de prosperidade. O escritor: as duras
horas de trabalho, suprimidas do descanso merecido a quem tanto já fez por nossa
Ordem. Obrigado. Os editores, pela confiança no Rito Brasileiro que vai crescendo,
pregando a pluralidade de ritos e pugnando pelo crescimento dos demais ritos e
corpos maçônicos, mas que ainda sofre a incompreensão de alguns círculos, cada
vez mais reduzidos, bem se diga. Estão de parabéns os editores. Sabemos que este
livro vai motivar como disse Palmeira (O Apelo..., op. Cit., idem):
Que se formem, por toda a parte, URBI ET ORBI,
Lojas do Rito Brasileiro, para que a Ordem Renovada possa enfrentar, com
êxito, o fascinante desafio dos tempos Novos.
Por isso, obrigado!
Que a Paz e a Graça de Deus, o Supremo Arquiteto do Universo estejam em
todos os corações.
Fernando de Faria

Preceitos do Rito Brasileiro

·         Rito Brasileiro é teista, afirmando a crença em um Deus
Criador - Supremo Arquiteto do Universo.

·         Acata os Landmarques e os demais princípios tradicionais
da Maçonaria, atendendo a todos os requisitos
da Ortodoxia Maçônica.

·      A base do Rito é a Maçonaria Simbólica de São João, sob a
jurisdição do Grande Oriente do Brasil. Sobre ela, eleva-se
a hierarquia de 30 Altos Graus, sob a jurisdição do
Supremo Conclave do Rito.

·         Dedica-se o Rito Brasileiro ao aperfeiçoamento dos
Maçons, conciliando a Tradição com a Evolução.

·         Especializa-se no cultivo da Filosofia, Liturgia, Simbologia,História e Legislação Maçônica, estudando os grandesproblemas nacionais e universais e suas implicações e
consequência no futuro da Pátria e da Humanidade.
Combate a supertição, conciliando a Razão com a Fé.

·         incentivo e a prática do Civismo constituem-se
em um dos altos objetivos do Rito Brasileiro.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

RITO BRASILEIRO De Maçons Antigos Livres Aceitos - Rio Grande Do Sul: Parabéns ARLS Heráclito Victória 3168 -  14 anos ...

 Parabéns ARLS Heráclito Victória 3168 -  14 anos   A Delegacia Liturgica e os IIr.´. praticantes do Rito Brasileiro do RS parabenizam a loja e os IIr.´.


Parabens tambem para os IIr.´. Reativadores Eduardo Lecey, Ernesto Lecey, Evandro Lecey, Fabio Gustavo Biz, Fernando Kappel, Paulo Ricardo Cantarutti e Paulo Ricardo de Souza.


Salve 1º.05.1998  Salve 04.08.2010


terça-feira, 1 de maio de 2012


RITO BRASILEIRO COMPLETA 44 ANOS DA SUA REINSTALAÇÃO 
O RITO QUE MAIS CRESCE ATUALMENTE NO BRASIL

Dia 25 de abril é considerado o Dia Nacional do Rito Brasileiro. Momento especial de felicidade e alegria para todos nós que o praticamos, recordando a fundação, em 1968, da primeira Loja Simbólica a ser criada após a reimplantação vitoriosa: nossa querida Fraternidade e Civismo, a Loja Primaz do Rito Brasileiro. Nela, o orgulho, a felicidade, a satisfação que significam todos os Corpos do Rito, simbólicos e filosóficos, que, afinal de contas somos todos nós mesmos, homens de bons costumes, embalados por ideais de elevação moral e desejo de progresso social, homens que se esmeram no promover da paz e no desejo sincero de uma humanidade feliz. Em ocasião tão auspiciosa, cumpre ao Primaz, não apenas saudar a todos, mas, também, dirigir-vos palavras de ânimo e gratidão. Ânimo porque, embora a gratificação emocional que de uma forma ou de outra resulta da boa e suave vida em união, deve ser reconhecido que o exercício maçônico não é algo fácil em meio aos labores do dia a dia, de uma vida cada vez mais complexa. Complexa no lidar profissional, nas responsabilidades familiares, na convivência comunitária em geral; de uma vida que deve ser vivida em um mundo que se apresenta cada vez mais materializado, preso a egoísmos destrutivos. Gratidão porque – embora na humildade característica de um bom maçom, muitos de vós percebeis o quanto tem realizado pela prosperidade do Rito – a verdade é que do trabalho individual de cada um, do devotamente, disciplina, interesse, da prática fraternal de que muitos são incansáveis – diga-se, a maioria – vem dependendo o visível progresso do Rito. Basta mencionar, a grande festa dos 40 anos da Reimplantação Vitoriosa, que realizamos no Templo Nobre do Lavradio no 19 de março. Quanto de vós já viras maior número de maçons, familiares e amigos da Maçonaria, reunidos ali no Templo Nobre em uma só sessão? Número incontável de Irmãos de todos os ritos, vindos dos mais diversos Estados da União, do extremo norte ao Sul; aqui do Leste aos limites ocidentais do Brasil; autoridades maçônicas do GOB e seus Grandes Orientes Estaduais, e de inumeráveis Obediências co-irmãs, dos mais diversos modelos de Corpos Filosóficos e Ordens Maçônicas Festa empolgante; congraçamento total, envolto em completa informalidade. Em 1968, quando o Irmão Álvaro Palmeira deu início à reimplantação do Rito, e os obstáculos eram muitos, e havia imensa incompreensão do que se tratavam quantos zombaram de nós? quantos nos colocaram a pecha da irregularidade? Quantos perseguiram e procuraram impedir nossos primeiros passos? Poucos podíamos imaginar o estado atual, quando o Rito é respeitado e nossos membros merecem as mais expressivas manifestações de carinho de tantos e tão diversos maçons. Na oportunidade, pois, do Dia Nacional do Rito em 2008, ainda embalados pelo entusiasmo dos 40 anos da Reimplantação Vitoriosa, saúdo a todos vós, Irmãos do Rito Brasileiro e vos exorto aos esforços mais abnegados, às esperanças mais confiantes, aos ideais mais puros e empolgantes, como por exemplo, repetir a todos o sublime preceito do Rito que diz: "Não se pode servir à Pátria, se não se servir primeiro à Humanidade". Muitos não estaremos aqui para assistir ao Cinqüentenário (2018); os mais jovens talvez nem compreendam porque tanta vontade, mas os mais velhos, com toda certeza, participantes de antigas batalhas, estarão exortando: "avante, avante companheiros!". Iniciemos a década que nos levará ao Cinqüentenário com o mesmo ardor juvenil com que Palmeira, já sexagenário, e os companheiros de 1968 deram início a esta caminhada. Caminhemos, Irmãos, embalados pelo moto de Saint-Exupéry, em Citadelle, que Palmeira ensinava com tanta graça: "O que importa é partir e não ter chegado". Agora dizemos parodiando, "o importante não é ter partido, mas estar no caminho".


S a u d a ç õ e s  p e l o  
D i a  N a c i o n a l   d o   R i t o.


I r ∴ Nei Inocêncio dos Santos
Soberano Grande Primaz do Rito Brasileiro


Fonte Jornal o Aprendiz - PE