Translate

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Sessão Magna Pública em Homenagem ao Dia dos Escoteiros

No dia 24 de abril às 20 horas a A.'.R.'.L.'.S.'. Guardiões da Arca nº 4348, praticante do Rito Brasileiro do Grande Oriente do Brasil, ira realizar uma sessão magna pública em homenagem ao dia dos Escoteiros, em nossa Loja temos um grupo de aproximadamente sete Irmãos que passaram ou ainda estão no Escotismo, além de muitos dos nossos familiares. 

Foram convidados diversos grupos de escoteiros para participarem da sessão magna e gostaríamos dentro do possível contar com a sua presença, para a sessão e a palestra que será realizada com o tema o "Escotismo e a Maçonaria". 

Após a sessão teremos um  ágape fraternal, para que possamos todos congregar a passagem desta data. Maiores informações no convite acima, bem como contato para confirmação de presença.


ESCOTEIROS
 O Escotismo é um movimento voluntariado que tem o intuito de ajudar na formação dos jovens, por meio de um sistema de valores que prioriza a Honra baseado na Promessa Escoteira e na Lei Escoteira, e através da prática, do trabalho em equipe e da vida ao ar livre, fazer com que o jovem assuma seu próprio crescimento e tornar-se um exemplo de fraternidade, lealdade, altruísmo, responsabilidade, respeito e disciplina.


                                  

 Saiba um pouco mais, desta linda Instituição: O Escotismo e a Maçonaria A Maçonaria é uma Ordem Universal constituída por homens de todas as raças e nacionalidades, acolhidos por iniciação e congregados em Lojas onde estudam e trabalham para o aperfeiçoamento da Humanidade. 

O Amor Fraternal é seu fundamento e espera que, com amor a Deus, à pátria, à família e ao próximo, com tolerância, com sabedoria, livre investigação da Verdade, com a evolução do conhecimento humano pela filosofia, ciências e artes, observando os princípios de Liberdade, Igualdade e Fraternidade e obedecendo a Moral, a Razão e a Justiça, o mundo evolua para melhor e a paz universal seja alcançada.



A relação do escotismo com a maçonaria é estreita e segundo o escritor francês Roger Peyrefitte “os escoteiros surgiram da maçonaria, Baden-Powell sonhou fazer a convivência harmoniosa entre os filhos de duques e filhos de empregados”.

“Viajando a serviço,

Eu levava as saudações fraternais

As lojas ao oriente e ao ocidente de Lahore,

Conforme fosse a Kohart ou Singapura.

Mas sempre voltava para rever meus irmãos.

Os da minha Loja mãe.”


Escoteiros famosos


Texto de Eduardo Lecey e usando como base a peça de arquitetura do Irmão Honório Sampaio o Escotismo e a Maçonaria



Fotos da Internet de diversos sites de Escotismo.


segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Regularidade do GORGS reconhecida pela Maçonaria Norte-Americana


Matéria transcrita do site da Rádio GORGS http://radiogorgs.org.br

22 de Fevereiro de 2017

Após analise minuciosa em comissão americana, GORGS pode assinar tratados com todas as potências da América do Norte.
 Uma grande vitória da diplomacia Maçônica do GORGS. Este é o resumo da participação do Grande Oriente do Rio Grande do Sul na Conferência dos Grão-Mestres das Grandes Lojas da América do Norte, do dia 17 ao dia 22 de fevereiro, na cidade de Omaha, Nebraska, EUA. O Grão-Mestre Tadeu Pedro Drago e o Ministro das Relações Exteriores Fúlvio Delavi participaram de todas as atividades e, especialmente, da reunião que definiu as novas Potências aptas a realizar tratados com a Maçonaria norte-americana. O processo que culminou no parecer favorável da Comissão de Informação para o Reconhecimento das Grandes Lojas Americanas (CONISSA) vinha sendo trabalhado a bastante tempo, com a produção de vasta documentação destacando a história e a importância do GORGS na Maçonaria Brasileira. As relações com Potências Maçônicas já reconhecidas pelos EUA também tiveram um grande peso na decisão. Em vídeo produzido logo após a decisão o Grão-Mestre e o Ministro das Relações Exteriores falaram sobre a decisão histórica. Agora, todas as Potências da América do Norte estão autorizadas a se relacionar oficialmente com o GORGS. A partir disso, o próximo passo será formular os diplomas legais individualmente com cada uma dessas Potências (só nos EUA são 50 Grandes Lojas).
 

“Conseguimos hoje um de nossas mais significativas  vitórias em 2017. O nosso Grande Oriente vem em primeiro lugar. Somos os gestores neste momento. Mas a instituição segue e cada conquista é muito valiosa para o nosso futuro”. O Grão-Mestre também destaca a importância da presença do GORGS: “Nós conversamos pessoalmente com muitos Grão-Mestres. Eles se prontificam a fazer tratados ao nos conhecer. Isso é fundamental. Estar presente, mostrar quem somos.”

Além de todo trabalhos dos Maçons do GORGS, também foi lembrado o apoio incondicional da Grande Loja Maçônica do Estado do Rio Grande do Sul (GLMERGS) neste processo. “O Tratado de Compartilhamento de Território e a formalização da nossa indicação pela GLMERGS foram fatores importantes para a Comissão de Informação aprovar o reconhecimento.

Agradecemos de forma muito especial ao Grão-Mestre Paulo Roberto Pithan Flores e ao Grande Secretário de Relações Exteriores Roni Pinto Júnior por sempre serem solícitos e parceiros nesta caminhada”, finalizou o Grão-Mestre Tadeu Drago.




Fotos: Ir. Fulvio Delavi



Matéria transcrita do site da Rádio GORGS http://radiogorgs.org.br

domingo, 26 de fevereiro de 2017

18th Degree: Knight of the Rose Croix Perfect Prince de H.R.D.M. (Heredom), knight of the Eagle and Pelican.


O rito Brasileiro através do nosso Irmão Heron Cabral Lopes membro do Supremo Conclave do Rito Brasileiro, esteve presente em sessão do grau 18 do Rito Escocês Antigo e Aceito na Austrália.

Neste País, após os dois anos  de sua iniciação como aprendiz maçom, o Irmão chegar a Mestre e até ser Venerável por dois caminhos, um ele será convidado ou se candidatará. Se for aprovado passará diretamente ao Grau 18. 

As sessões deste capítulo Rosa Cruz, são realizadas na sede campestre do Laurel Bank, banco exclusivo de maçons na Austrália, imagine como é pujante a nossa ordem por lá. 

Nosso Irmão Heron Lopes participou da Cerimonia de um candidato que solicitou a sua elevação ao grau 18 o qual foi votado pelo seus pares.

Após o candidato ser aprovado recebe instruções até o grau de Principe de Heredom o qual permanece neste Grau por no mínimo três anos.


Denominação do Grau: 18th Degree: Knight of the Rose Croix Perfect Prince de H.R.D.M. (Heredom), knight of the Eagle and Pelican. Ou simplesmente pode ser chamado de Prince of Heredom.

O Irmão Heron Lopes foi devidamente nomeado membro honorário deste capítulo e foi presenteado com o PIN do grau. 

Nesta mesma Cerimonia, após receber o novo Cavalheiro Rosa Cruz, houve a troca do “The Most  Wise Sovereign”  cargo agora exercido por um gaúcho André Fettermann 31º no lugar do Irmão Allan Elliot com o grau 32º, na presença do District Commander Bro Richard Pickering 33º. 

Cumprida as formalidades, ao final, houve dois momentos marcantes: o tradicional ágape fraternal deste grau e uma forte cadeia de união agradecendo as boas vibrações e desejando a todos uma ótima semana.

Imagens de Heron Lopes

Texto de Heron Lopes e Eduardo Lecey



sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

ARLS Guardiões da Arca forma sua primeira turma de Mestres Maçons

Os Irmãos Nelson Damiani, Carlos Eduardo, Arimar Marçal, José Leonel e Rafael Salim foram os primeiros obreiros de nossa novel oficina a serem iniciados e colarem os graus de companheiros e mestres maçons na ARLS Guardiões da Arca nº 4348.

A nossa Loja alem de ter o privilégio de ver seus primeiros obreiros natos alcançarem a maestria, também terá o prazer de ver o nosso Irmão Luciano Haeser também chegar a maestria. O Irmãos Luciano foi iniciado na ARLS Irai Silveira do Rito Brasileiro e decidiu terminar seus estudos simbólicos em nossa Loja.

Na última sessão de estudos da Guardiões Arca nesta semana, tivemos apresentação de brilhantes peças de arquiteturas, entre estas a do nosso Irmão Flávio Alabarce sobre axiomas.

Nesta próxima semana não teremos sessão na Loja Guardiões devido ao feriadão de Carnaval, mas todos os Irmãos já estão convocados para o próximo dia 6 de março.

Fotos de Anselmo Lanzarini, Rafael Salim 


 Texto de Eduardo Lecey


quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Loja Luz e Sabedoria do Rito Brasileiro e seu grande banquete ritualistico em Vitória da Conquista

Loja Luz e sabedoria do Rito Brasileiro e seu grande banquete ritualistico, reuniu mais de 200 Irmãos e serve de exemplo para todas as Lojas do Rito Brasileiro e da maçonaria universal.

As Lojas Maçônicas de Vitória da Conquista - BA em celebração ao início dos trabalhos maçônicos do ano de 2017 organizaram um Banquete Ritualístico no último dia 20 de Fevereiro (Segunda-Feira) afim de confraternizar os irmãos daquele oriente. 

Evento esse que já se consolidou como sendo o maior banquete do Norte e Nordeste.


Os trabalhos foram realizados na área de eventos da Loja Maçônica Luz e Sabedoria (Rito Brasileiro) que recepcionou e presidiu os trabalhos.



O evento teve a participação de 200 maçons ativos de todas as 12 lojas da cidade de Vitória da Conquista. Além de contar com a presença de várias autoridades maçônicas do GOB e da Grande Loja do Estado da Bahia.


Imagens e texto do Ir.'. Glauber Santos Soares, publicado por Eduardo Lecey

Dia Internacional do Maçom


Hoje dia 22 de fevereiro é comemorado o Dia Internacional do Maçom, razão pela qual saudamos e cumprimentamos todos os Maçons do Globo Terrestre.


Conheça um pouco da história desta data Internacional


Nos dias 20, 21 e 22 de fevereiro de 1.994, realizou-se em Washington, nos Estados Unidos, a Reunião Anual dos Grão-Mestres das Grandes Lojas da América do Norte (Estados Unidos, Canadá e México).



Na ocasião, estiveram presentes como Obediências Coirmãs (Sister Jurisdictions), a Grande Loja Unida da Inglaterra, a Grande Loja Nacional Francesa, a Grande Loja Regular de Portugal, a Grande Loja Regular da Itália, O Grande Oriente da Itália, a Grande Loja Regular da Grécia, a Grande Loja das Filipinas, a Grande Loja do Irã, no exílio; além do Grande Oriente do Brasil, com uma delegação chefiada por seu Grão-Mestre Francisco Murilo Pinto, que ali estava como observador.



Ao encerramento dos trabalhos, o Grão-Mestre da Grande Loja Regular de Portugal, Irmão Fernando Paes Coelho Teixeira, apresentou uma sugestão encampada pelos Grão-Mestres de todas as Grandes Lojas dos Estados Unidos e mais as do México e Canadá, no sentido de fixar o dia 22 de fevereiro como o DIA INTERNACIONAL DO MAÇOM, a ser comemorado por todas as Obediências reconhecidas, o que foi totalmente aprovado.



E por quê 22 de fevereiro?


Porque foi no dia 22 de fevereiro de 1.732, em Bridges Creek, na Virginia (EUA), que nasceu GEORGE WASHINGTON, o principal artífice da independência dos Estados Unidos. Nascido pouco depois do início da Maçonaria nos Estados Unidos – o que ocorreu em 23 de abril de 1.730, no Estado de Massachussets -, Washington foi iniciado a 4 de novembro de 1.752, na “Loja Fredericksburg nº 4”, de Fredericksburg, no Estado da Virginia; elevado ao grau de Companheiro em 1.753, e exaltado a Mestre em 4 de agosto de 1.754.



Representante da Virginia no 1º Congresso Continental (1.774) e Comandante-Geral das Forças Coloniais (1.775), dirigiu as operações, durante os cinco anos da Guerra de Independência, após a declaração de 1.776. Ao ser firmada a paz em 1.783, renunciou à chefia do Exército, dedicando-se então aos seus afazeres particulares. 


Em 1.787, reunia-se, em Filadélfia, a Assembléia Constituinte, para redigir a Constituição Federal e Washington, que era um dos Delegados da Virginia, foi eleito, por unanimidade, para presidi-la. E, depois de aprovada a Constituição, havendo a necessidade de se proceder à eleição de um Presidente, figura nova na política norte-americana, Washington, pelo seu passado, pela sua liderança, e pelo prestígio internacional de que desfrutava, era o candidato lógico e foi eleito por unanimidade, embora desejasse retornar à vida privada e dedicar-se às suas propriedades.

Como Presidente da República Norte-Americana, nunca olvidou a sua formação Maçônica: ao assumir o seu primeiro mandato, em abril de 1.789, prestou o seu juramento constitucional sobre a Bíblia da “Loja Alexandria nº 22”, da qual fora Venerável Mestre em 1.788; em 18 de setembro de 1.783, como Grão-Mestre pro-tempore da Grande Loja de Maryland, colocou a primeira pedra do Capitólio – o Congresso norte-americano – apresentando-se com todos os seus paramentos e insígnias de alto mandatário Maçom.


Falecido em 14 de dezembro de 1.799, seu sepultamento ocorreu no dia 18, em sua propriedade de Mount Vernon, numa cerimônia fúnebre Maçônica, dirigida pelo Reverendo James Muir, capelão da “Loja Alexandria nº 22”, e pelo Dr. Elisha C. Dick, Venerável Mestre da mesma Oficina.



Como se vê, a criação do DIA INTERNACIONAL DO MAÇOM representou uma homenagem mais do que justa a um grande maçom, além de também ser historicamente pertinente.
O Grande Oriente do Brasil, através do Decreto nº 003, de 10/02/95, do seu Grão-Mestre Francisco Murilo Pinto, atendeu à recomendação da reunião das mais importantes potências Maçônicas do mundo, e passa a comemorar o DIA INTERNACIONAL DO MAÇOM a 22 de fevereiro, com plenas justificativas maçônicas e históricas.



Texto e imagens da internet

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Irmãos do Rito Brasileiro visitam Loja Primaz do Rito Escocês Retificado

No dia 17 de fevereiro foi realizada a primeira Transbode do ano de 2017, os Irmãos praticantes do Rito Brasileiro do Grande Oriente do Brasil no Estado do Rio Grande Sul realizaram mais uma excursão.

Esta foi uma atividade realizada em pareceria com as Lojas Guardiões da Arca nº 4348 e Campos Elísios nº 3977, que organizaram a excursão, contando também com a presença de membros da novel Loja Mário Juarez de Oliveira que aguarda a sua autorização para funcionamento.

A chegada no Balneário Camboriú ocorreu no dia 18 próximo das 7 horas da manhã, sendo assim todos tiveram tempo para se preparem para as sessões de estudos e apresentação do Rito Escocês Retificado (RER). 

Concomitantemente as cunhadas que participaram de nossa excursão, tomaram café e também conheceram as dependências deste belíssimo templo situado na Estrada Geral dos Cerros de nº 1500.


A convite da Loja as nossas cunhadas participaram da oficina de Scrapbook ministrada pela cunhada Luciani.

No final desta atividade, cada uma das participantes levaram como lembrança de suas visitas ao Balneario Camboriú e a Loja Novo Horizonte nº 4185.


Com certeza foi um momento impar, aonde nós do Rito Brasileiro podemos conhecer um pouco mais sobre o mais novo rito do Grande Oriente do Brasil, apesar de ser um dos ritos mais antigos em atividade no mundo.

O nosso Irmão Marco Barcelos foi o escolhido entre seus pares para receber a homenagem por parte da Loja anfitriã, a novel Loja ARLS Mario Juarez de Oliveira, a qual será a Loja primaz do RER no Rio Grande do Sul.

Loja esta que já entregou toda documentação a guarda do selos do GOB, pois foi fundada em  09/12/ 2016 e aguarda ainda o despacho da carta provisória pelo GME e a carta definitiva para o seu funcionamento.

Estiveram presente também os Irmãos ARLS Guardiões do Zadock nº 3990 também do GOB do Rio Grande do Sul, praticantes do rito Adonhiramita.

O rito é dividido em três classes: as Lojas Azuis ou de São João, as Lojas Verdes ou de Santo André e a Ordem Interior. Nas Lojas Azuis ou de São João é mantida uma grande parte do tronco inicial. 



Estes três graus iniciais simbólicos de Aprendiz, Companheiro e Mestre apresentam semelhança com outros ritos da Maçonaria Especulativa. 



Muitos influíram na criação do RER (Karl Gothelf von Hund, Charles de Hesse, Ferdinand de Brunswick, Jean de Turkheim, Saint-Martin, Mesmer, Martinez de Pasqually, entre outros…), mas foi Jean-Baptiste Willermoz (1730-1824) quem o estruturou e conduziu tudo até o seu final. 

O Rito foi constituído na França no terceiro quarto do século XVIII. Têm raízes anteriores a 1754. Foram datas importantes para o R.E.R. a Convenção de Unwürde (1754), a Convenção de Altenberg (1764), a Convenção de Kohlo (1772), Convenção de Brunswick (1775). 

Mas o Rito só se consolidou em 10 de dezembro de 1778 no Convento de Lyon na França (também conhecido como Convento de Gaules), sendo reafirmando em 1782 no Convento de Wilhelmsbad na Alemanha em 1782.

Após as sessões em diversos graus, os irmãos foram desfrutar de ágape fraternal ofertado pela Loja aos Irmãos visitantes e cunhadas.


As Lojas Gaúchas do GOB que participaram desta Transbode, somente podem agradecer mais uma vez a hospitalidade e fraternidade que receberam durante mais esta excursão, desta feita ao Estado de Santa Catarina.

O Venerável Mestre da Loja Guardiões da Arca, o nosso Irmão Jair Rosa, o qual estava acompanhado de nossa veneranda cunhada Fátima Rosa, ressaltou a importância destes eventos nos quais a família maçônica participam, pois a maçonaria não é feita somente nos nosso templos e nas quase duas horas que normalmente duram nossa sessões.

Foram quase 24 horas de convivência e mais de 1.200 km rodados, mas com certeza em breve estaremos fazendo mais uma Transbode, pois sempre apreendemos muito em cada uma de nossas viagens, pois com certeza sempre voltamos diferentes vendo novos horizontes.

Neste mágico dia, tivemos o prazer de contar com 49 Irmãos em Loja em pleno sábado de fevereiro, quando ainda muitas Lojas nem iniciaram as suas atividades de 2017 e com mais de 70 pessoas no almoço da fraternidade.

Os Irmãos Marco, Márcio e Alcívio Barcelos, junto com  os Irmãos Victor Herborn, Roger dos Santos, Adelmar Silva, Rodrigo Grün, César Albuquerque, bem como os Irmãos Jair Rosa, Anselmo Lanzarini, Carlos Azevedo, Ronaldo Silva e Carlos Maidana, estão prontos para ajudar a fazer o RER uma realidade no Rio Grande do Sul.

Todos nós tivemos um excelente retorno aos nossos lares, com a sensação de termos contribuído com a evolução de uma maçonaria plural no nosso Grande Oriente do Brasil.

Em breve muitas outras Transbode estão programadas, muitas dentro do nosso Estado, bem como dentro do Brasil e uma grande viagem internacional esta sendo programada. Aguardem as novidades...

Podemos afirmar que um novo horizonte já ultrapassou o Rio Mampituba e já começou a brilhar no Rio Grande do Sul...


 Imagens de Anselmo Lanzarini e texto de Eduardo Lecey